Acontece em Natal

ECOTECA

Postado em: 23.12.2014

Dia 18 de dezembro foi um dia marcado pela inauguração da primeira Ecoteca do Rio Grande do Norte, em uma iniciativa da Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) com o patrocínio da Cyrela Plano&Plano!

A Ecoteca destina-se a educação ambiental, com a função de disseminar a conscietização da população sobre o desenvolvimento sustentável. O espaço é uma edificação conceitual de 10,90 m², em estrutura de madeira e material reciclado em grande parte doado como contribuição da Cyrela Plano&Plano.

A biblioteca, montada no Bosque das Mangueiras, na Av. Nascimento de Castro, em Lagoa Nova, disponibilizará de um pequeno acervo de livros infantis com temas voltados às questões do meio ambiente.

Este projeto da Semurb se concretiza com o patrocínio da Cyrela Plano&Plano, que pratica a sustentabilidade em suas obras e sabe como é importante mostrar aos cidadãos iniciativas de preservação das riquezas naturais, desde a sua fundação, há 52 anos.

“Encontramos nesse projeto mais uma chance de colocar em prática a nossa filosofia e doar nosso tempo, nossos sonhos e aprendizados. Estamos inseridos na sociedade e queremos participar dela ativamente”, declara a gerente geral de operações da Cyrela Plano&Plano, Renée Silveira.

Lembrando que a Ecoteca estará aberta oficialmente para visitações a partir de janeiro de 2015, e vale a muito prestigiar! Confira abaixo as características do projeto que se adequam aos 10 passos para a sustentabilidade:

1) Respeitar o clima da sua região: com nosso clima quente e úmido o modelo de casa praiana é ideal com varandas sombreadas e grandes aberturas para ventilação.

2) Criar sombra: os telhados de grandes beiradas proporcionam uma maior e refrescante sombra para proteger a edificação do aquecimento solar.

3) Telhado de cor clara: refletem a radiação e reduzem o calor interno, de acordo com o princípio da absorção e reflexão das cores.

4) Aberturas protegidas: as entradas de ar sempre voltadas para Sul e Leste, de onde vêm os ventos na nossa cidade.

5) Medidas padronizadas: evitar grande variedade de tipos e tamanhos de material diminui o desperdício. Na Ecoteca, as medidas são múltiplos do tamanho da chapa que forma as paredes, conceito chamado de construção modulada.

6) Materiais leves: materiais refletores e leves não acumulam radiação solar.

7) Jardins abundantes: vamos valorizar esta relação e plantar grandes árvores ao redor de nossas construções, que tornam o ambiente muito mais agradável.

8) Materiais com menos energia para a sua produção: a madeira, escolhida para a edificação da Ecoteca, gasta pouca energia para ser produzida, mas lembre-se, toda madeira deve ser certificada e de reflorestamento.

9) Produto regional: priorizar produtos fabricados na região para reduzir gastos com transporte e energia de transporte, além de garantir mais empregos na região e valorizar a cultura.

10) Reciclagem: evita o acúmulo de lixo na natureza e a retirada de novos recursos naturais.

 

Comentar